Agora VAI!

16 de April de 2008

Oláá!

Então eu fui no médico Sábado, depois de esperar um mês por uma consulta (é, médica foda é foda haha), e tendo minhas crises desde Outubro. Aí eu expliquei pra ela toda a situação, e todos os sintomas que eu sentia, e tudo e qualquer coisa dos últimos quatro anos que possam ter influenciado meu comportamento e a conclusão foi: Hipoglicemia. Eu já tive uma vez, mas não passava mal como agora. É uma doença que a gente, réles mortais, não sabe direito como é, como funciona, porquê acontece, a gente conhece melhor a Diabetes, por exemplo. Mas então pra confirmar tudo e entender direito, eu tive que fazer 13 exames. O_o É, 13! Incluindo a Curva Glicêmica, que já tinha feito, mas é horrível. A começar pelo jejum de 12 horas, que pra quem tem Hipoglicemia é o fim (já que eu tenho que comer de 3 em 3 horas). Depois, são 4 horas de exame, porque é uma amostra de sangue a cada uma hora. =( E tem também um suco de glicose mega doce que tem que tomar quando chega, eca!


Eu olhando pro lado pra não ver a agulha entrando


Até então, todo mundo achava que o que eu tinha era stress, por causa do trabalho + final da faculdade. Era chato, porque eu tinha crises e ficava em pânico, e ninguém mais aguentava. Achavam que eu não estava “me ajudando”, reagindo, ou que era apenas uma frescura pra chamar atenção. Fora todas as coisas que eu não deveria continuar comendo e comi durante o verão.

E os sintomas todos são muito parecidos com síndrome do pânico e transtorno de ansiedade generalizado. Vou pôr aqui todos que eu sinto, porque espero poder ajudar quem passa por isso e não consegue tratar:

  • Tremores, ansiedade, nervosismo
  • Palpitações, taquicardia
  • Sudorese, calor
  • Palidez, frio, languidez
  • Fome, borborigma (“ronco” na barriga)
  • Atividade mental anormal, prejuízo do julgamento
  • Indisposição não específica, ansiedade, alteração no humor, depressão, choro, medo de morrer
  • Negativismo, irritabilidade, agressividade, fúria
  • Mudança na personalidade, labilidade emocional
  • Cansaço, fraqueza, apatia, sono
  • Visão embaçada, tontura, delírio
  • Parestesia (enformigamento), dor de cabeça
É horrível, eu já tava achando que ia ficar louca. Essa semana comecei o tratamento e agora é esperar o resultado dos exames! =D É, não costumo falar dessas coisas no blog, porque é ruim “arquivar” coisas que queremos esquecer, mas pelo menos eu realmente espero melhorar agora. E próximo post eu mostro meu kit Pequeno Príncipe! *___* Beeeijos! ;)

Cantadas

10 de April de 2008

Vi o link no blog da Gesi e não resisti, vou ter que falar sobre isso! A revista TPM e a Trip fizeram um movimento “Pelo direito de ir e vir da mulher” falando sobre a vulgaridade das cantadas que os caras falam pra nós e das baixarias que a gente sofre nas festas e pela rua a fora. Eu já tinha pensado em falar sobre isso porque fiquei muito tempo na praia e lá é um lugar zuuuper propício a essa tipo de coisa. Assim, eu simplesmente não saio sozinha de casa por causa disso.


Eu nunca consegui me sentir confortável com uma cantada. Seja ela a pior *nível: vai linguiça, coração?* até um simples *psiu, olha pra cá*. Sei lá, meu sentimento constrangedor é tanto que apenas tenho vontade de sumir. E, sabe, não estou falando isso porque me sinto a Juliana Paes dos pampas, nem pra que vocês pensem que eu sou. Acho que nem tem a ver com a beleza da mulher, e também não é motivo de orgulho (vocês já viram a maioria dos homens que fazem esse tipo de coisa? é um tipinho bem repugnante). E mesmo quando são bonitinhos, é aquele tipo de cara que você acha ridículo só por ter falado merda. Então não tem porquê se orgulhar da “quantidade” de cantadas.

Li no manifesto o quanto as mulheres começaram a repensar suas roupas pra sair de casa e evitar esse tipo de coisa, e isso aconteceu comigo! Pra caminhar, só calça pescador (ou corsário); separei todas as blusinhas de barriga de fora que eu tinha e doei; não gosto de usar calça justa e calça suplex ou legging só se tiver uma blusinha mais comprida tapando minha bunda. Ok, também tem a ver com alguns valores meus, mas é sim pelo medo de se sentir “exposta” aos salivadores de plantão.

E vocês, gurias? Como se sentem nessas situações?

Mudando rapidamente de assunto, a Lorys me deu um s
elinho super fofo! Amei! Aproveito para fazer uma propaganda básico do blog dela, sempre com assuntos tão interessantes, atualizados e importantes, como a preservação do nosso planeta. Sim, somos politicamente corretas hahaha

Eu não sei pra quem repassar, então vou apenas tomá-lo como presente hahaha *folgada* Beeeijos! ;)

Guia Prático de Volta de Viagens Longas

14 de March de 2008
GENTE! Meu quarto não estava bagunçado, eu cheguei de três meses na praia com todas as roupas que tenho, sapatos, livros, DVD’s, compras e não tem onde colocar nada porque tá tudo podre, sujo e com milhões de insetos – ou pedaços deles hahaha Então não é simplesmente arrumar as coisas, tinha que limpar antes pra depois colocar no lugar. ¬¬
Foram três dias arrumando e ainda tem coisa pra fazer. Resolvi fazer um guia pra quem um dia voltará pra casa depois de muito tempo – seja porque estava viajando, porque se separou ou porque se perdeu na rua por 5 anos.


1. Roupas novas entrando no meu armário significa roupas velhas entrando no armário de outra pessoa. Mais do que um ato de bondade, são as leis da física;

2. Para doar sem piedade, pense¹: se você ficou meses sem aquilo, é porque não faz falta;

3. Para doar sem piedade, pense²: se for algo muito novo ou recente, tente vender ou pergunte se algum amigo próximo está interessado. O que importa é que algo que você não usa/precisa/queira mais vá para as mãos de alguém que use/queira/precise;

4. Não fique na dúvida de jogar fora meias e calcinhas. Elas provavelmente perderam o elástico e servem até em um elefante;

5. Não coma nada que ficou na geladeira. Apesar do meu pai ter comido amendoim e doce de leite e ter continuado vivo, eu não aconselho vocês a fazerem o mesmo. Aliás, lave a geladeira se for o caso;

6. Passe aspirador pra “tirar o grosso” da sujeira – no chão, no balcão, nas gavetas. Depois passe pano úmido e polidor – no caso das madeiras. As roupas que ficaram no armário durante esse tempo, só lavando porque as minhas estavas com uma linda estampa de asinhas de cupim;

7. Não contrate uma faxineira, chame um biólogo. Sério, Lorys iria adorar todas as espécies de insetos que encontrei de inquilinos.

Beeeijos! ;)

Enquanto o quarto estiver assim

12 de March de 2008

não haverão posts legais por aqui. ahahaha Beijos! ;)

Mimimi, dia da mulher!

9 de March de 2008
Eu nem ia postar sobre isso, mas não adianta. Quando vejo as reportagens, as felicitações e recebo as malas diretas, não tem como evitar. Não consigo me sentir homenageada, apenas gosto das promoções e dos brindes das lojas – sim, eu lembro de passar por todas as lojas do shopping no dia 8 de Março e sair com flor, mini batonzinho e bombom. Sei que as mulheres conquistaram muito de umas décadas pra cá, mas eu acho que se realmente existisse uma igualdade, não precisaria um dia para lembrarmos o quanto as mulheres são especiais, o quanto os índios merecem respeito, o quanto os negros e os gays são gentem como a gentem. Sei lá, é o que me parece, a criação de um dia para fingir que existe essa igualdade, e se alguém reclamar vão dizer “mas você tem um dia inteirinho dedicado à você”, como se isso fosse grande coisa.

Enfim, alguém pode me explicar por quê diabos existe a expressão “dia de cão“? Olha pra isso!

Não parece perfeito? Agora pense em você aí, trabalhando, tendo que pegar ônibus, pagar contas, ir ao supermercado, limpar a casa… Você não gostaria de estar deitado na grama tomando um vento? Sem precisar tomar banho, sem estudar, sem precisar fazer comida… O_O Dia de merda, essa sim deveria ser a expressão.

A Cih me passou dois memes (thanx, Cih!):

Melhor momento: Eu ter nascido? hahahaha Não sei, se for referente à toda minha vida, são vários!
Pior momento: Momentos de hospital.
Arrependimento: Ter relaxado muito em alguns momentos. Algo que aprendi: Ih, são muitas coisas!
Algo que pretendo esquecer: Preocupação.
Promessa para esse ano: Quero relaxar, em todos os sentidos, e não pensar tanto em como as coisas devem ser, apenas ir seguindo o fluxo delas. Também quero tentar consertar coisas que não ando gostando em mim.

Lista dos 5 filmes da Sessão da Tarde que você mais gostava (queria muito fazer esse ^^):
1 – Goonies
2 – Quero Ser Grande
3 – Uma Babá Quase Perfeita
4 – Eduardo Mãos de Tesoura
5 – Esqueceram de Mim

Ah, eu inventei um meme! hahaha Mas deixo pra outro post, senão isso aqui vai ficar virado em memes. Repasso para Lorys, Rachel, Vy, Key e Thaís.

Beeeijos! ;)

Página 15 de 1678910111213141516