Sessão Pipoca com feriado

8 de September de 2009

Segurando as Pontas ★★½☆☆
(Pineapple Express)

Eu esqueci de falar desse filme na última vez. E por esse motivo, vocês já sabem que ele não é exatamente um filme muito memorável, né? hehe Aliás, nem preciso dizer isso, é só olhar o trailer. Uma comédia com aventura de dois drogados pelo mundo obscuro da mafia de produtores de maconha hahaha Super viajão, bem besteirol, mas gente! Seth Rogen! Ele não sabe fazer outro papel, ok? Vamos dar um desconto porque ele é engraçado! E pra minha surpresa, o parceiro de cena dele é o James Franco, que faz um dos namorados do Harvey Milk em (adivinhem) Milk! haha

Se Beber, Não Case ★★★★☆
(The Hangover)

Eu e o André estávamos esperando por esse. Muito legal o fato de não ter muitos atores conhecidos, pois você acaba se apegando totalmente às personalidades diferentes de cada um dos quatro amigos. O gordinho (Zach Galifianakis que faz o papel do nonsense Alan) rouba totalmente a cena. O filme é praticamente dele. Mas além disso, o que nós notamos é que existem poucos palavrões, o que torna o filme bastante familiar (apesar de ter bastante referência com piadas de sexo – hahahaha me lembrei de uma cena com o bebê – e ser pra maiores de 17 anos). As fotos finais são de chorar de rir. E uma curiosidade: o ator Ed Helms não tem mesmo aquele dente que fica faltando durante o filme todo. Por coincidência, ou por sugestão, ele tirou pra fazer o filme e deixou tudo muito mais engraçado!

Os Normais 2 ★★★★☆
(Os Normais 2 – A noite mais louca de todas)

Achei que não seria tão engraçado quanto o primeiro, pois pelo trailer só mostra baixaria. Sim, eu sou uma nobre camponesa que vai todos os dias ao bosque pegar lenha e acho meio apelativo piadas que só envolvem sexo e palavrão. Mas é óbvio que Os Normais não ia me decepcionar, e no meio de tudo existe uma história de amor entre um casal super normal. Quer dizer, 13 anos de noivado não é lá a coisa mais normal do mundo, né? hehe Mas o filme é super engraçado, cheio de participações especiais, músicas e ainda passa super rápido: só uma hora e vinte minutos. Ou seja, deixa muita saudade do seriado, pois você fica achando que vai voltar a ter a companhia daqueles dois toda a semana. =(

Força G ★★☆☆☆
(G-Force)

Com muito custo, vou dar 2 estrelinhas. Uma porque é uma animação bem feita, outra porque gosto de porquinhos da Índia. E acho que isso resume bem o filme haha Acho uma roubada misturar humanos com desenho (salvo Roger Rabbit, um dos meus filmes preferidos de infância), fica superficial e estranho. Os personagens não tem nenhum carisma, nenhum bordão… são totalmente indiferentes. A história é muito vazia e envolve planos tecnológicos, o que eu achei estranho pra um filme infantil. Será que crianças entendem transferências por pendrives? Ou será que eu tô muito velha e não sei mais do que as crianças entendem? Mais provável.. Mesmo assim, achei mais uma vez um filme que se prendeu ao fato de poder ser apresentado em 3D e não soube conduzir um roteiro muito interessante – assim como em Monstros x Alieníngenas.

O Iluminado ★★★★☆
(The Shining)

Mais um filme de adaptação de um conto do super Stephen King. Esperava que fosse mais dinâmico, sabe? Na verdade, O Iluminado parece aquele tipo de filme que todo mundo conhece, mas poucas pessoas realmente viram. Além disso, é aquele filme que não acontece nada demais na maioria do tempo, mas qualquer barulhinho faz você pular do sofá ou quase se mijar nas calças. O clima tenso, a trilha sonora agoniante, a sobrancelha do Jack Nicholson. Tudo colabora pra você achar que a qualquer momento pode ser a hora de começar a sequência de perseguição onde temos a clássica cena do Jack quebrando uma porta com um machado e dizendo “Heeere’s Johnny!”. Ou seja, suspense psicológico, acima de tudo. Gostei da direção do Kubrick. Na verdade, eu só tinha visto outros dois filmes dele: Lolita e Laranja Mecânica, e confesso que gosto mais dos filmes pelas histórias do que pela direção.

O Bebê de Rosemary ★★★★☆
(Rosemary’s Baby)

Não sei se eu já contei aqui, mas eu fiz uma promessa (uma coisa assim, de mim pra mim mesma) que eu veria todos os filmes do Polanski. Porque afinal de contas, se o Woody Allen fosse meu melhor amigo, o Polanski seria meu amante. Simples assim. Então fazia tempos que eu queria ver o tão falado bebê de Rosemary, mas meu namorado fica com medo de noite se vê filme de terror e sempre me impedia. =P Aproveitei meu feriado solitário e vi! Achei muito bom! Muito bom mesmo! Adoro um suspense, acho que é um dos gêneros de filmes que eu mais assisti até hoje. Em compensação, achei a história do filho do Diabo muito bizarra. Tipo, todo mundo sabe o quão loucos são esses caras de seitas malucas, mas isso do Diabo é um momento chapação do filme. Não tem porquê, a própria força da assembléia unida com o complô em torno da Rosemary já deixa o filme ótimo, pois passamos o tempo todo pensando como ela vai escapar daquela armadilha. Depois que ela começa a desvendar tudo e juntar as peças do quebra-cabeça então, aí que fica bom mesmo o filme. Ah, a Mia Farrow é linda! ^^

Hot Blitz – Cravo & Canela

25 de August de 2009

Ontem mesmo passei no site da Cravo & Canela e vi que tinha promoção nova. Quem passa por aqui sabe que eu teria um quarto só de sapatos, e que compro sapatilhas de números menores só porque não resisto, e que eu venderia os dois rins por uma bota, esse tipo de coisa que eu espero que TODA mulher faça igual.

Então hoje tava eu aqui, babando enquanto olho pra parede, quando chega Sedex. Pra mim? Mas ultimamente eu não tava esperando nada. Desci e dou de cara com uma caixa do tamanho do mundo!

P8250011
Huhuhu, olha o tamanho da caixa!

E é claro que por dentro, ela tava recheada de coisas boas! Além de muitos fórforos, pimentas e camisinhas, pra esquentar e temperar o finalzinho do Inverno, uma bota linda que já tem um lugar no meu coração, uma Smirnoff e um mini Chandon que já tem lugar na minha geladeira.

P8250012

P8250010

Bom, eu ganhei essa caixa com muitos mimos porque, vocês sabem né? Sou MUITO legal! E de tão legal, já comentei aqui no blog sobre a promoção Incomum da Cravo & Canela e agora vou falar sobre a nova promoção, que não vai dar UM, e sim TRÊS pares de sapato da marca. É uma parceria da marca com as gurias do blog Museando (Oi Amora!!). Eu tenho três e posso garantir que vale muito a pena. Eu vou ficar de olho e se vocês não correrem e se puxarem, vou ganhar mais um! hahaha

É só ficar de olho nos vídeos que vão ser postados lá na Revista Incomum. Todos eles vão ter meninas falando sobre seus estilos e aí tudo que você tem que fazer é montar um look simbolizando cada um deles! Os cinco melhores looks serão premiados!

Se quiser ficar totalmente por dentro, pode também baixar o regulamento.

Indiferença Oriental

21 de August de 2009

Não sei o que acontece, só sei que nada me interessa quando o tema é “oriental”. Não me levem a mal, não é que desgosto. Simplesmente não gosto. Parece chato, além de confuso. Não vou nem comentar sobre o Oriente Médio com aquela chatice de vários países com nomes parecidos e outros tantos ainda que a gente nem lembra que existe, a não ser quando compra album de figurinhas ou, sei lá, vê um Discovery Channel.

Mas o meu problema é mesmo com o Extremo Oriente. Nunca sei diferenciar lugares ou pessoas na Coréia, Japão, China. Pra mim é que nem Norte e Nordeste do Brasil, eu NUNCA sei onde ficam as cidades, e nem ao menos se são cidades ou estados. Ok, eu sei que tenho sérios problemas com Geografia. Lembro de planícies, planaltos e depressões apenas. Enfim, coisas orientais são estranhas.

Não tenho vontade de conhecer nenhum país, por exemplo. Ficar andando no meio de símbolos loucos. É como viver no mundo do Wingdings. É óbvio que japoneses (ou chineses, ou coreanos) são bons em memória. Eles tem que decorar mil símbolos pra poder ler alguma coisa. Ou certo que pra eles também é Wingdings e eles tem um generator-chat pra conversar, ou coisa do tipo.

Eu nem sei quem xingar quando esses malditos japoneses (ou coreanos, ou chineses) fazem algo melhor do que eu ou me ganham em algum jogo multiplayer. E, acreditem, isso acontece com bastante frequência. Bastardos… orientais!

Algumas coisas que eu gosto: árvores Sakura, Kung Fu Panda, Lucy Liu, miniaturas e bonecas irritantemente perfeitas. É, acho que é isso.

Sessão Pipoca com espirros

18 de August de 2009

Tenho que dizer que essa foi uma rodada boa! Belo time de filmes pra esse post!

Feitiço do Tempo ★★★★½
(Groundhog Day)

A princípio eu sempre confundia esse filme com Feitiço de Áquila! hahaha E inclusive devia dizer sempre que já tinha visto, por causa dessa confusão. Por sorte meu namorado tinha visto uma vez uns pedaços e queria ver de novo, aí eu pude conhecer o filme. Na verdade ele é tipo o Meia Noite e Um só que muito melhor. Tá, eu adorava Meia Noite e Um. Acho que já vi umas mil vezes na Sessão da Tarde, mas o “dia da marmota” (título original de Feitiço do Tempo), além de ter Bill Murray e seu jeito ácido-emburrado-engraçado tem toda uma reflexão por trás. Para muitos, será apenas mais uma comédia muito divertida de Bill Murray que caberia numa Sessão da Tarde sobre um cara preso no tempo. Talvez outros nem entendam no fim como ele saiu desse ciclo, mas a historinha é muito singela e fofa. Adorei os momentos finais. Muito bom!

Coraline e o Mundo Secreto ★★★☆☆
(Coraline)

Animação super bem feita e diferente, com clima sombrio e uma história pra lá de bizarra. Na verdade eu achei bem inferior ao que eu tava imaginando e esperando. Achei que faltou aprofundar a história, ela ficou meio vazia e rasa. Não sei exatamente, mas sabe quando passa rápido e não deixa muito? Essa é a minha opinião. Vai ver porque eu adoro animações e geralmente eu gosto bem mais dos roteiros em si do que da qualidade da animação. Talvez a produção tenha sido tão difícil (li que foi o filme mais longo feito em stopmotion, além de também ter sido feito para 3D) que a condução da história em si ficou um pouco pra trás. De repente tem toda uma filosofia com metáforas infiltradas no filme que eu não reparei. hahaha Tem? Se alguém quiser defendê-lo nos comentários, a vontade! haha

Milk – A Voz da Igualdade ★★★★★
(Milk)

Não tenho palavras para Milk. Era um dos filmes que faltavam pra completar o Oscar desse ano (agora só falta Frost/Nixon) e eu achei disparado um dos melhores ao lado de O Leitor. São filmes completamente intensos, com atuações incríveis e histórias muito lindas. Benjamin Button é uma história diferente? Sim, mas o filme é longo e cansativo, apesar de bem feito. Já o vencedor Slumdog agora me parece algo completamente hollywoodiano e comercial. Um filme com muitos atributos pensados para ganhar o grande público, como aventura, romance, tudo tão previsível. Achei Milk e O Leitor meio injustiçados, pois mereciam mais prêmios. Harvey Milk pareceu uma pessoa maravilhosa através do filme, e se hoje temos o preconceito que temos, imaginem na década de 70! Ele foi muito corajoso e fez muito pelos gays lutando pelos direitos. É inacreditável que existam pessoas que achem que eles merecem direitos diferentes dos heteros. Destaques pras atuações de Emile Hirsch (que eu passei o filme INTEIRO sem reconhecer) e Diego Luna. Sean Penn dispensa comentários.

Um Sonho de Liberdade ★★★★☆
(The Shawshank Redemption)

Eu nunca tinha visto esse filme, apesar de ser fã dos contos do Stephen King. É o primeiro filme do diretor Frank Darabont, o mesmo de À Espera de um Milagre, que eu adoro e tem muita coisa parecida! Eu achei que não fosse o desfecho surpreendente, ele seria apenas um filme com boas atuações que conta a rotina de uma prisão na década de 40, tanto para os presos quanto pelo funcionamento da prisão. Claro, o personagem de Tim Robbins faz toda a diferença, pois ele dá uma humanizada na vida dos presos, trazendo mais direitos, cultura e até mesmo hobbies para os detentos. É bem bonitinha essa parte. Claro que eu continuo achando Forrest Gump mais merecedor dos Oscars que eles disputavam, mas não deixa de ser um ótimo filme. E o final então é bem legal! Muito bem pensado!

Os 12 Macacos ★★★★★
(Twelve Monkeys)

Oficialmente meu filme preferido de atualmente. Gente, eu leio sinopse de filme futurista e sempre esboço meu típico “pfff”. Não, eu não gosto! De jeito nenhum! Quando eu li que Os 12 Macacos se passava em 2035, o “pfff” foi longo e intenso. Mas eu vi, porque além de ter Brad Pitt e Bruce Willis (adorooo!) é dirigido pelo Terry Gilliam, e com Monty Phyton não se brinca. Assim ó.. a história é fantástica (carinhosamente apelidei de De Volta Para o Futuro para adultos), atuações muito boas, reviravoltas a todo e qualquer momento, conflitos de realidade x insanidade e violêmcia gratuita. Nem sei mais o que dizer! Melhor filme do post! Tô empolgada! Ahhhhh! *surtando e terminando o post*

Gripe A, Plano B

16 de August de 2009

Pois é, eu sabia que ia pegar a tal gripe. E peguei. Aqui no Rio Grande do Sul a coisa parecia estar mais “descontrolada” e como a mídia não ajuda muito, óbvio que todo mundo corre pros hospitais, lotam e acabam alastrando ainda mais a gripe.

Eu comecei a passar mal numa quinta-feira. Sabia que ia ficar gripada ou com febre, porque senti minha respiração quente e mal estar. Aí a partir da tarde, comecei realmente a ter febre. Além disso, tinha muita tosse (seca e contínua), calafrios o tempo todo e nada de nariz entupido, como em gripes normais. No outro dia, febres de 39º, o máximo que chegou foi 39,5º.

Para cada pico de febre, eu tomei ora um dôrico, ora um AS. Passadas as 4 horas de efeito, a febre voltava a subir, e eu voltava a tomar um dos dois. Simplesmente não conseguia ficar fora da cama, de tanto frio e dor no corpo. Domingo eu comecei a melhorar e segunda-feira foi meu último dia sem febre.

As dicas que eu posso dar são:

– Não corra para nenhum posto de saúde se você não pertencer a um grupo de risco;
– Tome muita, muita água;
– Fique descansando, mas não o tempo todo deitado;
– Quando tomar remédio pra baixar a febre, não fique com as roupas suadas, troque sempre que possível;
– Continue se alimentando bem;
– Não deixe que a febre suba muito, assim que estiver perto de 39º já tome alguma medicação;
– Antigripal não adianta, tem que ser antitérmico mesmo.

Se você não tem nenhum agravante (gravidez, problemas respiratórios, asma, etc), é só descansar, medicar e continuar comendo direitinho. Eu tomei muito suco de laranja e própolis por causa da tosse, fiquei vendo toda a programação da Globo (e agora eu gosto das novelas, merda), No Limite, joguei Wii e dormi bastante. Foram 5 longos dias, parecia semanas, mas agora tá tudo bem de novo!

Tá, eu sei.. esse post não é engraçado. Mas o que eu posso fazer se não me diverti muito durante a gripe suína? Desculpa, né. Não usei máscara de porquinho nem aquela dos dentes podres, não podia lavar o cabelo (fiquei Carlinhos Brown depois de três dias deitada) e descobri que é impossível jogar Resident Evil no Wii. Impossível! O primeiro zoombie que eu encontrei me matou, mesmo depois de alguns tiros. Impossível.

Bom, era isso! Logo volto com Sessão Pipoca e posts bons de novo! *-*

Página 12 de 29891011121314151617